Pular para o conteúdo principal

ARAUTOS DO REI - PARTE II

Jader Santos é um perito em músicas sobre a volta de Jesus – Eu não me esqueci de ti e Chegou a hora. Na canção Eu quero olhar, gravada pelos Arautos do Rei, Jader propõe um tipo de música que não tem a sequência estrofe-côro e na qual praticamente cada verso possui uma melodia própria. O compositor não fez concessões nem à rima fácil nem ao típico refrão.

A música começa com o narrador dizendo:

Eu quero olhar pra cima e ver aquela nuvem aparecer um pouco escura / mas não de chuva, só uma mancha a mais no céu / E se eu olhar com atenção verei ainda que há uma luz / assim brilhante que num instante vai se tornar bem maior

O desejo de quem espera a volta de Jesus pode ser nublado por sinais que são a contrafação do advento real de Cristo: uma nuvem parecida, prodígios “em nome de Deus”, falsos cristos. A atenção ao que diz a Bíblia é o melhor preparo para não ser confundido.

Em seguida, cada verso descreve características do Esperado:

Sim, é Jesus que triunfante e exultante vem como Rei / Sim, é Jesus, o Pai amante que os seus filhos vem receber / Sim, é Jesus, o humilhado, o que foi morto e reviveu / O que foi homem e que foi Deus, e que voltar nos prometeu

Os dois primeiros versos contrastam com os dois últimos – o Rei triunfante é mencionado também como Deus humilhado. Jesus é o líder-servo e homem-Deus. As partes “o que foi morto” e “o que foi homem” estão interrelacionadas com as partes “reviveu” e “que foi Deus”, reafirmando o contraste entre a morte, própria do estado atual do homem, a ressurreição, própria da divindade, e a capacidade de Jesus de transcendê-las. Ele não apenas vive, mas é A Vida.

Tremam diante dEle todos os povos / Reinos, nações e línguas, todos O adorem / O Grande Juiz voltando está: Justiça haverá afinal!

Alguém pode entender que nesse trecho, o letrista parece manifestar que teme a Deus pelo medo, que Deus manipula as pessoas para O adorarem. No entanto, não é uma questão de manipulação, mas de motivação. O ser humano O adora por causa do amor de Deus (“O amor de Cristo nos motiva”) por causa do que Deus fez, faz e está fazendo por nós. Adoração é “o transbordar de um coração grato, impulsionado pelo sentimento do favor divino” (Anônimo).

Na música, o trecho anterior é cantado em fortíssimo, como num clamor. A partir de agora, a música é suave, com um lirismo que expressa que a bendita esperança se realizou e que a esperada volta de Cristo será de forma visível e audível:

Enfim chegou Quem nós aguardávamos,Quem nossa alma almejou / Quem nossos olhos sonharam ver,Quem os nossos ouvidos sonharam ouvir

Quando os anjos vieram confortar os atônitos discípulos que viam Cristo ascender ao céu, disseram: “Esse mesmo Jesus que vistes subir, voltará outra vez”. Os discípulos o reconhecerão, assim como nós, porque Ele será o mesmo, dessa vez com grande glória e majestade:

Filho de Maria, Leão de Judá, Estrela da Manhã, vem enfim brilhar

A seguir, a música retoma o tom triunfal ao mesmo tempo em que fala da esperança de vida eterna, de uma vida sem os males terrenos, de uma vida de fato em íntima comunhão:

Quero pra sempre contigo morar, Não mais viver a tragédia do mal / Quero em Teus braços me aconchegar Quero Teu nome pra sempre louvar.

Von Hügel dizia que “grandes realidades, ainda invisíveis, requerem para sua apreensão uma incorporação figurativa na imaginação”. Cantar a vida eterna é meditar e incorporar em nossa mente a grande realidade divina que em breve se verá face a face.

Comentários

Danilo Chaves disse…
Olha meu caro, gostei pra caramba da sua análise do cd "Aqui é seu lugar" você dispõe de muito conhecimento específico quando o assunto é música, consegue fazer paralelos sem ferir os sentidos do leitor. Meus parabéns, gostei muito, poderia se especializar em fazer análises de álbuns cristãos no contexto do leque de estilos que temos/vemos.

Que tal fazer uma análise do cd "É Preciso Viver o Amor" de Iveline, produzido por Regina Mota e basicamente arranjado e orquestrado por Lineu Soares? Ficaria muito feliz se você fizesse essa análise.

aguardo respostas.
(chavesbaiano@msn.com)

Um abraço!
Anônimo disse…
vc tem partituras dos arautos do rei sim eu creio eu nao sou mais eu ? sabe onde compro? obrigado!!!
Anônimo disse…
olá. procure ver o site oficial dos arautos do rei e também o site da gravadora novo tempo. Você vai encontrar nesses endereços tanto cds, dvds como partituras.

Postagens mais visitadas deste blog

o adventista Little Richard

Foi num sábado que faleceu aos 87 anos o mais famoso ex-aluno da universidade adventista Oakwood College: o cantor Little Richard. Ele mesmo, um dos pioneiros do rock, que cantou sucessos como "Tutti Frutti" e "Good Golly Miss Molly", o homem do inconfundível  wop-bop-aloo-bop-alop-bam-boom . Assim como vários outros cantores, Little Richard foi criado nos bancos de igrejas evangélicas da América. No auge do sucesso, em 1957, se sentindo em falta com sua fé e passando por problemas financeiros, anunciou que estava deixando tudo para se tornar pastor. Pesou nessa decisão um incidente em que uma forte turbulência afetou a aeronave onde ele viajava e Richard disse ter visto luzes brilhantes de anjos protegendo o voo, o que ele tomou como um sinal de Deus. Ele, então, foi estudar em Oakwood e durante cinco anos só gravou música gospel. Durante esse período, ele participou de uma campanha evangelística ao lado do pregador adventista E. E. Cleveland. Na ocasi

o dia mais gospel dos reis do rock

Depois de estourar nas rádios com a canção BLUE SUEDE SHOES, Carl Perkins foi gravar algo novo no estúdio da Sun Records, em Memphis. O iniciante cantor Johnny Cash foi lá assisti-lo. Quem também estava chegando no estúdio era o jovem Jerry Lee Lewis, uma aposta para o fim daquele ano de 1956. Quem o levou foi o dono da Sun Records, o lendário Sam Philips. Lendário porque este era o homem que descobrira Elvis Presley um ano atrás. Aliás, no meio da tarde, Elvis passaria no estúdio só para uma visita, pois já era um astro internacional e agora gravava na poderosa gravadora RCA Victor. Foi assim, por mera coincidência, que o dia 4 de dezembro de 1956 marcou um inédito encontro dos quatro cantores. Conversa vai, música vem, de repente os quatro estavam numa sessão improvisada de sucessos do rythm and blues, do country, do nascente rock and roll...e do gospel. Assim que Elvis chegou com sua namorada, Perkins interrompeu a gravação. Eles começaram a papear e rir, até que Elvis foi

a generosidade não está nos manuais

Corre na internet o vídeo em que um segurança impede que um cliente pague um almoço para uma criança que vendia chiclete no shopping. Nele, vemos duas formas de violência em estado bruto. 1) Uma criança pedindo (e não comprando, como é regra dos nossos shoppings) comida. E numa situação de viver da caridade de quem lhe detesta, uma criança com fome é a primeira violentada. 2) Um segurança que obedece cegamente ao manual de conduta dos nossos shoppings. E sob a condição de pe rder o emprego caso não cumpra zelosamente o manual, ele se obriga a perder a compaixão, a compostura, a humanidade. * Quanta violência já não foi cometida por pessoas que não hesitam em dizer "estou apenas cumprindo o meu dever"? * Mas nesse mesmo vídeo, "tanta violência, mas tanta ternura", como nos versos de Mário Faustino. O cliente resiste e vai "cometer" ali um "crime de generosidade". Oferecer um prato de comida a quem pede é uma violação do manual do sho