23 novembro, 2010

as quatro leis do som alto

Em São Paulo, há um projeto de lei que prevê multa de R$ 1 mil quem usar aparelho portátil com som acima de 45 decibéis em áreas residenciais. Isso também se aplicará a quem ouve funk no celular sem fone de ouvido. Na verdade não precisa ser funk. O caso nem é a música. É a intensidade do som. Esse tipo de ouvinte não se contenta em ouvir só para ele e sai batendo de ouvido em ouvido o seu sertanejo de universitário baladeiro, sua lady gaguejante, seu pop-emo lacrimejante, seu pancadão sacolejante.

Mas não se entusiasme. Ouvir Justin Bieber ou Restart não vai virar crime inafiançável. Até porque quem escuta é menor de idade (Se não é de menor, então deve haver algum problema na contagem de parafusos).

45 decibéis equivalem ao barulho de um aparelho de ar-condicionado ligado. Agora você entende porque decibel é uma unidade de medida do som. Se um Bel (o cantor do Chiclete com Banana, por exemplo) incomoda muita gente, 50 deciBéis incomodam muito mais.

 “A tolerância para suportar o barulho é inversamente proporcional ao refinamento do gosto musical”. Se achou essa frase um desplante elitista, não me culpe. Quem disse isso foi Schopenhauer no insuportavelmente barulhento século 19.

Aplicando o teorema de Schopenhauer aos nossos vizinhos e motoristas de hoje, identifiquei as quatro leis do som alto:

 1) Quanto pior a música, mais alto será o volume do som.
  2) Amarás mais o som do que o ouvido do próximo.
 3) Quanto mais alto o som, mais espelhados serão os óculos escuros do motorista e mais ele dirigirá apoiando o braço esquerdo na janela do carro. 
  4) Odiarás o silêncio com toda a força de teus megawatts.


3 comentários:

José disse...

Muito boa Joezer. E principalmente uma grande verdade. Eu concordo plenamente com a frase.
Quanto pior a música, mais alto o cara quer ouvir.
Tenho sérios problemas com isso no serviço. Todo mundo tem o fone do celular, mas quer é ouvir sem eles, como se eu tb quisesse.
É no mínimo a falta de respeito, pra dizer pouco.

Prof. Kelly disse...

Muito bom!

Zaine Sá disse...

ahahah Eu sinceramente discordo, mas achei muito bom tb!! eheheh