25 janeiro, 2011

o céu e a água

Passei a semana procurando a Deus nas letras de um livro, na melodia de uma canção. E eu O vi. Tanto quanto O vejo num almoço de família, quando parece que Ele está em pé, ao pé da escada, sorrindo com a nossa alegria fugaz.

Percebo que Ele também inventa de estar nos lugares mais inesperados e abrasadores: sarças, fornalhas, carruagens de fogo. Outro dia, eu O vi na água.

Aceitei o convite de tocar piano na igreja. Confesso que não é sempre que O vejo na igreja. Ele está lá, sim. Gosto de estar lá também. Mas nem sempre cuido de perceber que Ele veio.

No templo, três meninas e um homem alto entram na água. Vestem longas batas azuis. Elas moram em um lar especial, onde encontraram muitas irmãs e uma nova mãe. Ele vai falar da vida de uma daquelas adolescentes, mas a voz falha. Ele tenta segurar o choro e fala para a menina que não tinha família que nós também somos os seus numerosos pais e irmãos. Ela chora e ele ora em nome do único e afetuoso Pai. Não sei se foi por causa dos meus olhos marejados, mas naquele preciso instante eu vi o céu dentro da água. 

5 comentários:

Prof. Kelly disse...

"Deus é pessoal..."
Seu relato me fez acreditar mais ainda nisso. Muito lindo...

Lenner disse...

Excelente post!!
Às vezes esquecemos que nem tudo na vida é progresso, batalha, crescimento pessoal. Quando alguém que teve um começo instável na vida toma uma decisão tão acertiva e plena como essa é uma dessas vezes. E nessas vezes vemos que pouco importa o que nos acontece por aqui, o importante é a longo prazo..

Anônimo disse...

Foi emocionamente sim Joezer. Nem eu imaginava que todo aquele sentimento viria ao coracao quando entrei no tanque. Momentos assim na vida de um pastor fazem com que a vida ministerial realmente valha a pena!

joêzer disse...

kelinha, que bom saber disso.

lenner, é boa sua palavra.

my pastor elbert, a beleza da cena me marcou mesmo.

André R. S. Gonçalves disse...

lindo...
é isso mesmo. vida tocadas e transformadas nos transformam mais que imaginamos.
Aleluia!